Notícias, Ônibus | 10 de maio de 2012
Mercedes-Benz tem soluções completas para BRTs

noticia_206.jpg

Sistema é alternativa mais rápida e com menor custo de implantação e operação

Seguindo o caminho percorrido por países desenvolvidos e por muitos países do continente americano, o Brasil vem investindo na promoção da mobilidade urbana em seus centros metropolitanos, em todo o país. No Rio de Janeiro, a primeira iniciativa nesse sentido foi a implementação do BRS (Bus Rapid Service) na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, com via exclusiva demarcada e pontos reorganizados, onde o tempo de percurso para cruzar todo o bairro foi reduzido de 23 para 12 minutos. No sentido Ipanema, as ruas Barata Ribeiro e Raul Pompeia também já estão beneficiadas com o BRS. Veja mais detalhes em http://www.fetranspor.com.br/brs/.

O sucesso do novo sistema de tráfego pode ser comprovado com os números apresentados pelos órgãos responsáveis pelo trânsito na cidade, que, inclusive, já estuda novas iniciativas em outras regiões da cidade.

Outra iniciativa que faz parte do planejamento logístico para melhorar o trânsito e o serviço de transportes públicos são os BRTs (Bus Rapid Transit). Um exemplo é o Corredor T5, com obras já em andamento, ligando o Aeroporto Internacional Tom Jobim à Barra da Tijuca, passando pela Penha.

Com mais de 160 sistemas operando atualmente ou em construção, os sistemas BRT têm se tornado a melhor escolha para melhorar a mobilidade urbana em 23 países dos cinco continentes. BRT é um conceito flexível, que pode ser configurado especialmente para o mercado a que serve e ao ambiente físico onde opera, com a utilização de vias segregadas, ônibus articulados de alta capacidade e embarque em estações fixas, no nível do veículo.

A Mercedes-Benz tem soluções completas para BRTs, que é uma alternativa mais rápida e com menor custo de implantação e operação para resolver os problemas de trânsito em grandes cidades. Além disso, os sistemas BRT têm demonstrado potencial para reduzir drasticamente as emissões de CO²: um exemplo recente do seu impacto na mudança do clima foi o primeiro corredor do Metrobus (sistema BRT da Cidade do México), que está reduzindo 35.000 toneladas de CO² por ano, ao mesmo tempo em que melhora a mobilidade de 77 milhões de passageiros. Este sistema BRT foi concebido e implementado para servir a 45 mil passageiros por hora, o equivalente a um sistema de metrô de alta capacidade.

Os benefícios proporcionados pela adoção do BRT são muitos: redução do tempo de viagem e da espera nos pontos de parada; mais confiabilidade no sistema, pois o usuário sabe, por meio de painéis informativos, em quanto tempo estará disponível o próximo ônibus (os intervalos podem variar de 30 a 60 segundos); mais conforto e menos impacto ambiental, graças à possibilidade de utilização de combustíveis alternativos; revitalização do espaço público e valorização imobiliária.

Saiba mais sobre as soluções em BRT da Mercedes-Benz.